Publicado em 3 de julho de 2020

CONCURSO ESPECIAL DE ACESSO E INGRESSO AOS CURSOS DE LICENCIATURA DO INSTITUTO POLITÉCNICO DE SETÚBAL

PARA TITULARES DOS CURSOS DE DUPLA CERTIFICAÇÃO DOS CURSOS DO ENSINO SECUNDÁRIO E DE CURSOS ARTÍSTICOS ESPECIALIZADOS


No âmbito do protocolo entre o CINEL e o Instituto Politécnico de Setúbal, o CINEL informa os seus formandos e ex-formandos que o IPS vai abrir 117 vagas no contexto deste Concurso Especial. 

O Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (MCTES) promulgou o Decreto-Lei n.º 11 /2020 de 2 de abril com a criação de um novo Concurso Especial para os estudantes que tenham concluído (ou concluam) o nível secundário de educação por vias profissionalizantes ou em cursos artísticos especializados. 

A 22 de junho publicou a Portaria n.º 150/2020 que regulamenta este concurso e atribui às instituições de Ensino Superior a competência de decidir a abertura de vagas. Neste sentido o Instituto Politécnico de Setúbal (IPS) irá abrir vagas para todas as suas licenciaturas, com exceção de Tradução e Interpretação de Língua Gestual Portuguesa uma vez que não existe um código CNAEF a três dígitos nos cursos de nível secundário abrangidos por este concurso. 

Este concurso abrange exclusivamente estudantes que tenham concluído (ou concluam até setembro de 2020) o nível secundário de educação por vias profissionalizantes ou em cursos artísticos especializados.

Já estão definidas as condições de acesso ao Ensino Superior através deste Concurso Especial para Titulares de Cursos de Dupla Certificação de Ensino Secundário e de Cursos Artísticos Especializados, da região de Setúbal.

 A partir de dia 6 de julho até 17 de julho, os alunos que concluam o curso até ao ano letivo 2019/2020 podem apresentar candidatura a licenciaturas e mestrados integrados nas Instituições de Ensino Superior abrangidas pela Rede Sul e Ilhas, para realizar as provas a seguir especificadas. 

Os estudantes terão de realizar uma prova de conhecimentos em função da área de formação do Ensino Secundário e da licenciatura a que pretendem candidatar- se. A prova será organizada em duas partes: Língua e Cultura Portuguesas e Prova Específica (Biologia, História e Cultura das Artes, Psicologia, Matemática, Matemática para as Ciências Sociais e Educação, Economia). 

Esta prova presencial está prevista para dia 24 de julho de 2020 no IPS.

Para obter informação completa faça o download do PDF.

Print

Documents to download

Oferta Formativa 2021

Veja aqui a Oferta Formativa de 2021

Oferta Formativa 2021

As ações que no momento da inscrição não tenham data atribuída correspondem a ações que não estão programadas desenvolver em 2021, mas que são suscetíveis de serem desenvolvidas em função de interesses manifestados e asseguradas condições de empregabilidade ou de relevância empresarial, num quadro de qualificação contínua e valorização de competências profissionais. As ações que constituem a "Oferta Formativa de 2021" correspondem às ações que têm registada uma data de previsível inicio. Concretize o interesse realizando a pré-inscrição na ação que pretende, consultando a ação pretendida no link infra. 

Procure o seu curso e faça a sua inscrição. Clique aqui

 

Documents to download

Hoje, Dia Internacional da Família, partilhamos a história do David e do Lucas, pai e filho formados no CINEL.

Em 1996, David Barreiros concluía o Curso de Técnico de Eletrónica - Regime de Aprendizagem. 

Resume a sua experiência numa palavra: “Espetacular”. Refere que “ao contrário do Ensino regular, onde não sentimos continuidade e podemos encontrar diferentes professores, neste caso tivemos sempre os mesmos formadores com boas mais-valias e o CINEL sempre nos disponibilizou todo o material (por exemplo, componentes e máquinas como osciloscópios). O centro está muito bem equipado e isso permitiu-nos compreender e aplicar a teoria na prática, em contexto real. E isto cativa bastante.”

Hoje, Dia Internacional da Família, partilhamos a história da Manuela e da Tânia, mãe e filha e colegas de turma. Frequentam o CET de Programação (turma 58).

Como chegaram até aqui?

A Tânia frequentava o 1º ano de Licenciatura em Comércio e Negócios Internacionais, mas percebeu que não era a melhor opção para si em termos de futuro. Ousou alterar o seu percurso, decidiu mudar de área e pesquisou na Internet. Recorda que “uma prima minha, Engenheira Informática, antes sequer de terminar a licenciatura, já tinha muitas propostas de emprego na área e por isso, após algumas pesquisas, decidi-me pela programação. Foi engraçado, porque eu só usava o computador para ver filmes. Descobri o CINEL na Internet, tive boas referências, conheci o centro e decidi arriscar. Estou a adorar programação. Foi a melhor decisão que tomei”.

O concurso Robot Bombeiro, dinamizado pelo Instituto Politécnico da Guarda desde 2003, e inspirado no Trinity College Fire Fighting HomeRobot Contest, põe à prova pequenos robôs móveis e autónomos com a missão de encontrar e apagar um incêndio, simulado por uma vela, num modelo de uma casa constituído por corredores e quartos. 

Este tipo de concursos tem com objetivo principal investigar e desenvolver tecnologia inovadora na área da robótica móvel, com vista a solucionar problemas comuns, no caso de o Robot Bombeiro extinguir incêndios. 

Os principais desafios técnicos que se apresentam no desenvolvimento deste tipo de robôs são: 

 • Locomoção – o robô terá de ter a capacidade de se locomover na casa simulada e ultrapassar alguns obstáculos naturais, tais como tapetes e irregularidades no piso. 

 • Perceção – o robô terá de ter a capacidade de “perceber” onde está, para onde vai e como lá chega. Para tal, estes robôs são dotados das mais evoluídas plataformas de processamento e sensoriais, que através de diversas medições conseguem cumprir o objetivo. 

 • Extinção – o robô terá de ser capaz de detetar uma vela através das suas caraterísticas (calor) e extingui-la de 3 formas possíveis: Ar, Água, Gás extintor (CO2).

Desafiámos o formador Ricardo Guerreiro (formador de Design Gráfico e Multimédia) a dar o seu ponto de vista e a resposta foi esta: 

"Falar de Design é um pouco como falar das coisas que nos são rotineiras, ações, pensamentos, ideias, objetos, tudo o que faz parte dos nossos ciclos diários. O Design é essa “entidade” ubíqua nas nossas vidas, está em tudo o que vemos, lemos, escrevemos, ingerimos, está na forma como nos relacionamos socialmente, como criamos ligações emocionais e profissionais. 

Design é, na sua definição capital, comunicar. Comunicar é o que todos nós fazemos intuitivamente. A questão que neste momento podem estar a colocar é “Mas o Design não tem de ser algo bonito, belo, desejável, com estilo, criativo... Eu não tenho jeito nenhum para fazer essas coisas, como é que se pode dizer que eu faço design ainda mais intuitivamente?”

Dia Mundial do Livro

Hoje, é o Dia Mundial do Livro. 

Desafiámos duas formadoras de Português a recomendar uma obra...

Sem combinar, escolheram a mesma! "Mensagem", de Fernando Pessoa, considerado por muitos uma das mentes brilhantes de Portugal. Boas leituras!

O Curso de Aprendizagem de Técnico de Eletrónica, Automação e Computadores abre a 6 de setembro de 2021, em regime b-learning, com formação presencial em Lisboa e irá decorrer em horário laboral (8h30 às 16h30). Esta ação é gratuita e os formandos beneficiam de apoios sociais nos termos da legislação em vigor.

Testemunho: José Perry

José Perry: “Os cursos que tirei no CINEL mudaram muito a minha visão para o futuro. Descobri o que queria fazer em termos profissionais. Foi com o meu percurso no CINEL que descobri que quero, no futuro, trabalhar na área de Eletrónica e Automação”.


Dívidas a fornecedores

Aplicações Móveis